alessandra.jpg - 258.85 Kb

Equipes da Data (Divisão de Atendimento ao Adolescente) continuam investigando o sumiço da adolescente Alessandra Ferreira Ramos, de 16 anos, que desapareceu na última sexta-feira (23), depois que saiu de uma atividade escolar no Sesi, localizado na rodovia Mário Covas, em Ananindeua. A família continua esperando informações corretas na manhã desta segunda-feira (26).

 

Em um áudio enviado via WhatsApp aos amigos da família e a imprensa, o pai da jovem, Alex Ramos, fez um novo apelo hoje. 'Que as pessoas compartilhem a foto da minha filha e que não fiquem postando nenhuma informação falsa porque só a gente sabe o que está passando. Tem pessoas que ficam brincando dizendo que minha filha foi encontrada e ela ainda não foi encontrada...que as pessoas não fiquem brincando com o nosso sofrimento. Assim que ela aparecer vamos avisar a todos vocês que estão ajudando', desabafa.


No último sábado (24), os pais da jovem fizeram um boletim de ocorrência na Data (Divisão de Atendimento ao Adolescente). Após 24 horas sem informações, a jovem foi declarada desaparecida. Alessandra tem 16 anos e cursa o 2º ano do Ensino Médio numa escola particular localizada no centro de Belém. Um dos colegas da escola da adolescente, disse à família que viu Alexandra entrar em um carro preto. A informação angustiou a família. “Ela nunca fez isso. Nunca nem mesmo dormiu fora de casa. Uma noite sequer. É um comportamento que ela não tem”, afirma o pai.
Quem souber informações sobre a localização da jovem pode ligar para : (91) 98100-7553 / 98863-3437.
Fonte: ORM News