As capacitações visam melhorias no manejo das fazendas para aumentar a produtividade, recuperar áreas degradadas, conservar a floresta e os cursos de água.

Pecuaristas de Oriximiná, no oeste do Pará, que aderiram ao modelo da Pecuária Sustentável na Prática, participaram no início da semana, de uma capacitação que contou com assessoria técnica, validação do modelo de monitoramento, capacitação e coleta com a ferramenta Open Data Kit (ODK) no modelo piloto Pecuária Sustentável na Prática.

As capacitações têm entre seus objetivos propor melhorias no manejo das fazendas para aumentar a produtividade, recuperar áreas degradadas, conservar a floresta e os cursos de água, observando o bem-estar dos funcionários e dos animais.

Ao todo 14 pecuaristas de Oriximiná aderiram ao modelo da Pecuária Sustentável na Prática, que faz parte das ações desenvolvidas pelo Programa Territórios Sustentáveis, no eixo Desenvolvimento Econômico, que é realizado pelo Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon) em parceria com a Equipe de Conservação da Amazônia (Ecam) com apoio financeiro da Mineração Rio do Norte (MRN), Sociedade para Floresta Tropical da Suécia.

Capacitação trabalhou a utilização do ODK Colect na coleta dos dados e do geoprocessamento na análise (Foto: Territórios Sustentáveis/Divulgação)

Capacitação trabalhou a utilização do ODK Colect na coleta dos dados e do geoprocessamento na análise (Foto: Territórios Sustentáveis/Divulgação) Capacitação trabalhou a utilização do ODK Colect na coleta dos dados e do geoprocessamento na análise (Foto: Territórios Sustentáveis/Divulgação)

Entre os participantes da capacitação, estava o pecuarista Luiz Souza, proprietário da fazenda Rancho da Areia Branca, no quilômetro 11 da PA 254, que interliga os municípios de Oriximiná e Óbidos. “Hoje meu gado tá rotacionado, as cercas elétricas estão prontas, antes a gente tentava rotacionar o gado e agora meu gado tem passado três dias em cada piquete e o capim tá recuperando muito melhor, houve a adubação do solo, a correção com calcário e há um interesse muito grande e o treinamento agora foi muito bom porque a gente vai poder repassar mensalmente as informações sobre as nossas propriedades tanto para os técnicos quanto para os financiadores”, enfatizou.

Segundo a consultora da Ecam e mestre em Geografia, Gestão Ambiental e Territorial, Muryel Arantes, a terceira visita técnica às propriedades rurais inseridas ao Pecuária Sustentável na Prática buscou assessorar os produtores de Oriximiná por meio de capacitações e consultorias práticas em temas da agronomia de interesse da população local.

Com o uso da ferramenta ODK os pecuaristas além de poderem melhorar a gestão de suas propriedades, também contribuirão para a melhoria da dinâmica de implantação das novas etapas do modelo em Oriximiná. Além dos técnicos da Ecam a atividade também teve a participação dos agrônomos da Via Verde, que visitaram as fazendas e promoveram palestras e trabalho de campo à comunidade local, bem como para os estudantes da Escola de Ensino Técnico do Pará (EETEPA).

Fonte:  G1 Santarém, PA - 20/06/2018