Em 24 horas o município de Santarém registrou mais 114 casos positivos para COVID-19. O número total saltou de 1.016 para 1.130, conforme boletim divulgado pela Prefeitura local às 20h desta quarta-feira (27).

Ainda de acordo com o boletim, existem 376 pessoas recuperadas, 68 óbitos, 577 resultados negativos, 115 análises, 3.827 notificados/monitorados, e 4.553 monitorados já recuperados.

Os três óbitos em decorrência da COVID-19, informados no boletim desta quarta-feira são três homens de 36, 61 e o outro de idade não informada.

Segundo a Prefeitura, os 114 novos casos positivos de COVID19, foram confirmados por meio de testes rápidos. Dos 1.130 casos confirmados da doença no município, 44 pacientes estão internados e outros 642 pacientes estão em isolamento domiciliar. Dos 115 pacientes das análises (suspeitos) em espera, 13 estão na UTI e 2 na clínica do HRBA;, 46 no Hospital de Campanha, 41 em isolamento domiciliar e 13 em outros hospitais.

Fonte: G1 Santarém — PA, 27/05/2020/Agência Santarém - Prefeitura Municipal de Santarém

 

Santarém tem crescimento de 1.817% nos casos confirmados da COVID-19 em 30 dias

Dados são referentes ao período entre 26 de abril e 26 de maio com informações repassadas pela Semsa. Número de mortes também teve aumento significativo no município.

No dia 26 de abril, Santarém tinha 53 casos confirmados da doença e apenas cinco mortes. Um mês depois, o cenário mudou: o município teve crescimento exponencial de 1.817% nos casos da COVID-19, passando para 1.016 casos até às 20h de terça-feira (26). O número de mortes já chega a 65.

Conforme os dados da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), essa subida rápida e perigosa é ampliada quando os números de casos monitorados - pacientes com sintomas gripais - integram os boletins epidemiológicos. São 3.632 pessoas monitoradas pelas equipes de saúde.

Os gráficos não sobem na mesma velocidade em relação àqueles que estão recuperados da doença. Os pacientes que foram liberados por vencerem o coronavírus somam 324 casos. Há um mês eram apenas 12.

Para o prefeito de Santarém, Nélio Aguiar (DEM), os números aumentaram rapidamente devido ao alto contágio do vírus e o não cumprimento de medidas básicas de proteção por parte da população, como evitar aglomerações. Outro fator apontado foi o retorno de voos de outros grandes centros para a Pérola do Tapajós.

Esse aumento, ainda segundo Nélio, é porque o município passou a fazer mais testes para diagnóstico da doença. "No começo se tinha a dificuldade porque eram poucos rápidos aprovados pela Anvisa, mas depois isso foi resolvido. A gente conseguiu ter acesso a mais testes. Quando a gente testa mais, notificamos mais", enfatizou o prefeito.

Fonte: Geovane Brito, G1 Santarém — Pará, 27/05/2020