O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou no último dia 4 de novembro, a população residente em cada um dos 5.565 municípios brasileiros, segundo os resultados do Censo Demográfico 2010, realizado no período de 1º de agosto a 31 de outubro de 2010, que recenseou 185.712.713 pessoas em todo o Brasil. Em Oriximiná a contagem cadastrou um pouco mais de 61 mil habitantes.

A informação divulgada no diário oficial da união do dia 04/11. Segundo o órgão, o município tem exatos 61.125 habitantes, um número bem abaixo do esperado pelas autoridades do município.
Em 2007 o Instituto contou um pouco mais de 54 mil habitantes. Dados que deixaram os vereadores de Oriximiná com a pulga atrás da orelha. “Nós achamos que os dados foram poucos pelo que nós conhecemos do nosso município.” Disse o vereador Neto Andrade na época.
Mas para o pouco número de habitantes no Censo de 2010 há uma justificativa, pelo menos é o que conta um dos ex-recenseadores, que não quis se identificar. “O fato é que o IBGE enrolou com a ajuda de custo. O trabalho era para começar em 10 de agosto, eu só fui liberado para o meu setor em outubro, próximo do prazo para o encerramento dos trabalhos. E outros recenseadores também começaram os seus setores atrasados.” Conta ele.
Segundo ele, que já trabalhou no recenseamento na Amazônia em 2007, as dificuldades não são levadas a sério pelo órgão. “Trabalhar na Zona Rural é muito difícil. A seca está muito grande, muitas comunidades estão isoladas e as dificuldades para chegar até elas são enormes.” Conclui ele.
Mesmo com as dificuldades o resultado do Censo deste ano afirmou um aumento em aproximadamente sete mil habitantes em Oriximiná, em três anos.